PPLE de Alagoas investe em Semana Nacional de Mobilização e vai às ruas da capital para coleta de assinaturas

Jandha Carvalho e equipe da Comissão Estadual do PPLE - AL comemoram o sucesso de mobilização no Dia Internacional Contra a Discriminação Racial

Jandha Carvalho e equipe da Comissão Estadual do PPLE – AL comemoram o sucesso de mobilização no Dia Internacional Contra a Discriminação Racial

O Dia Internacional contra a Discriminação Racial não passou despercebido em Maceió. Um grupo de militantes tomou o bairro de Benedito Bentes, na capital alagoana, e coletou centenas de assinaturas de apoio para a Campanha Nacional de Legalização do PPLE no estado.

O PPLE alagoano tem se mostrado é aguerrido na campanha e promove sistematicamente mobilizações. A responsável por este trabalho é a Assistente Social Jandha Carvalho, Coordenadora Estadual do PPLE – AL. Ela afirma que é muito importante que a cultura de matriz africana ocupe seu espaço de direito no panorama nacional e, numa data emblemática como o Dia da Discriminação Racial, a mobilização ganha importância especial.

Jandha tem uma história de luta pela conscientização da sociedade sobre a importância do empoderamento político do povo de matriz africana, como sujeitos de direito, para ocuparem espaços de poder e terem vez e voz na política nacional. “O povo negro é um povo que contribuiu muito para a construção dessa nação, apesar de algumas pessoas de outras religiões não respeitarem, os orixás escolheram o Brasil, então o Brasil é um país abençoado. E o povo precisa se conscientizar disso”, explica.

A Coordenação Estadual de Mobilização do PPLE – AL estabeleceu uma semana de mobilização da Campanha Nacional de Legalização em comemoração ao Dia Internacional da Discriminação Racial e, em Maceió, concentrou suas atividade no terminal rodoviário do bairro de Benedito Bentes.

O PPLE alagoano tem a meta de coletar 7.000 assinaturas de apoio para ajudar o PPLE a obter seu registro definitivo de partido político no TSE, já conseguiu forma Diretórios Municipais nas Cidades de Cajueiro, Rio Largo, Arapiraca e Atalaia e, quando alcançar 2.000 homologações de apoio já poderá dar entrada no registro de Diretório Estadual no TRE – AL.

 

Antonio Obafemi Garrido
+55 21 98343-3099
comunicacao@pple.com.br